quarta-feira, agosto 10, 2011

Siga então seu caminho, sem minha sombra.

"Vá, mas não deixe rastros para que eu não possa seguir o caminho por onde foi. Tantas vezes você já foi, e eu segui atrás, pois não conseguia te deixar ir. Mas agora preciso, pois nossos caminhos não são mais juntos. Preciso de algo novo, já cansei da mesma coisa toda vez. Mas preciso que vá logo, preciso que esteja a uma distância que não possa ouvir meus gritos chorados implorando pra você voltar, nem ouvir o som ecoar. Siga aquele caminho que sempre fez, mas depois de passos pesados, virou-se e voltou para onde eu estava. Me pegou do chão e me abraçou tão forte que me fez perder o fôlego. Antes de ir, prometa-me que não fará isso novamente, pois já cansei desse nosso costume de ir e depois voltar, dessa indecisão que nos prende no mesmo lugar. Andamos milhas e milhas, mas é como se estivessemos tentando chegar ao outro lado do oceano. Sejamos francos com nós mesmos, não chegaremos a lugar nenhum se ficarmos parados sem ir pra nenhum lugar."
 Minha autoria. 

2 comentários:

  1. As vezes erramos em querer continuar o que já está terminado.


    Beijos
    Boa quinta.

    ResponderExcluir
  2. Parabens, adorei o blog. Estou te seguindo, se puder me seguir de volta, agradeço. =)

    http://infostartnet.blogspot.com/

    ResponderExcluir